Busca de navegação

Navegação

  • FachadaAerea
  • FachadaDiagonal

Busca

Conhecendo a História da Ama

Preocupados com a falta de atendimento específico para crianças com autismo em Araçatuba,um grupo de pais e profissionais  decidiram lutar pelos direitos dos filhos (lazer, educação, saúde e convivência social) e, juntos fundaram em 10 de maio de 1999  a AMA – Associação de Amigos do Autista, oferecendo   inicialmente atendimento especializado a  três crianças.

Hoje com sede e foro na cidade de Araçatuba - São Paulo, localizada a Rua Dr. Pontes de Miranda, 430 bairro: Morada dos Nobres, a AMA  é uma OSC - Organização da Sociedade Civil, entidade do terceiro setor, Associação de Direito Privado, bem como  constituída por tempo indeterminado.

A Instituição conta com 64 colaboradores especializados para o tratamento da pessoa com TEA – Transtorno do Espectro Autista de  Araçatuba e região, ou seja:  Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional com Integração Sensorial, Fisioterapia, Hidroterapia,  Psicologia com Especialista em ABA, Médico Neurologista, Médico Psiquiatra, Psicólogo com Orientação Específica para Família, Assistente Social, enfermeiras, bem como, Tratamento Socioeducativo com Psicopedagogas e  educador pedagogo com trabalho direcionado de acordo com a faixa etária, habilidade/funcionalidade para ABVDs – Atividade Básica e Prática de Vida Diária, Projeto de Inclusão no Mercado de Trabalho,  Laboratório de Informática, Brinquedoteca, Musicoterapia, Arte Terapia, Projeto Cão Cidadão/UNESP  (terapia com animais), Horta pedagógica, Cozinha Pedagógica,  Jardim Sensorial (integração Sensorial), Educação Física  especialmente adaptada  para pessoa com TEA (futebol, vôlei, basquete, natação e atletismo) e, Projeto Alimentação onde se trabalha a seletividade alimentar própria da pessoa com Autismo.

As atividades promovem sentimento de pertencimento, potencializam habilidades e desenvolvem as áreas deficitárias inerentes ao transtorno, promovendo a convivência social, comunitária e familiar de maneira adequada, uma vez que o tratamento  necessita ser assistido em todos os aspectos. O Tratamento é realizado de forma individualizada, respeitando o Plano de Tratamento Individual de cada paciente inserido na Instituição, e reavaliação para averiguar a evolução do paciente, realizada semestralmente.